Páginas

quinta-feira, 23 de abril de 2015

De onde eu tiro forças para continuar?

Gênesis 26: 1 a 6 e 12 a 22 “Sobrevindo fome à terra, além da primeira havida nos dias de Abraão, foi Isaque a Gerar, avistar-se com Abimeleque, rei dos filisteus. Apareceu-lhe o SENHOR e disse: Não desças ao Egito. Fica na terra que eu te disser; habita nela, e serei contigo e te abençoarei; porque a ti e a tua descendência darei todas estas terras e confirmarei o juramento que fiz a Abraão, teu pai.  Multiplicarei a tua descendência como as estrelas dos céus e lhe darei todas estas terras. Na tua descendência serão abençoadas todas as nações da terra; porque Abraão obedeceu à minha palavra e guardou os meus mandados, os meus preceitos, os meus estatutos e as minhas leis. Isaque, pois, ficou em Gerar.

Semeou Isaque naquela terra e, no mesmo ano, recolheu cento por um, porque o SENHOR o abençoava. Enriqueceu-se o homem, prosperou, ficou riquíssimo; possuía ovelhas e bois e grande número de servos, de maneira que os filisteus lhe tinham inveja. E, por isso, lhe entulharam todos os poços que os servos de seu pai haviam cavado, nos dias de Abraão, enchendo-os de terra. Disse Abimeleque a Isaque: Aparta-te de nós, porque já és muito mais poderoso do que nós.

Então, Isaque saiu dali e se acampou no vale de Gerar, onde habitou. E tornou Isaque a abrir os poços que se cavaram nos dias de Abraão, seu pai (porque os filisteus os haviam entulhado depois da morte de Abraão), e lhes deu os mesmos nomes que já seu pai lhes havia posto. Cavaram os servos de Isaque no vale e acharam um poço de água nascente.  Mas os pastores de Gerar contenderam com os pastores de Isaque, dizendo: Esta água é nossa. Por isso, chamou o poço de Eseque, porque contenderam com ele. Então, cavaram outro poço e também por causa desse contenderam. Por isso, recebeu o nome de Sitna. Partindo dali, cavou ainda outro poço; e, como por esse não contenderam, chamou-lhe Reobote e disse: Porque agora nos deu lugar o SENHOR, e prosperaremos na terra.”

Por três vezes, Isaque mudou de lugar! Os filisteus iam atrás, entulhando todos os seus poços.

É como aquelas situações que nos perseguem e nos impedem de ir pra frente. Pode ser o desemprego, alguma enfermidade, clientes inadimplentes, dívidas...  

Parece que todo o esforço de Isaque era em vão! Parece que tudo o que ele fazia não dava certo.

Além dos prejuízos, Isaque e sua família eram constantemente afrontados. Tudo porque aquele povo tinha inveja! Sabe como o invejoso é? Além de desejar o que é seu, ele faz de tudo para você deixar de ter.

Isaque era aquele tipo de pessoa que tinha tudo para dar certo, mas dava errado. Sabe como é? É quando você leva meses para fazer um relatório detalhado para seu chefe e, na hora de imprimir, a máquina quebra! É quando você tem uma ideia inovadora que vai resolver todos os problemas da sua empresa, mas chega alguém que rouba sua ideia e a apresenta no seu lugar! É quando, na primeira semana no novo trabalho, você simplesmente fica doente! É algo inexplicável! É quando você acha que encontrou o amor da sua vida e, de repente, ele te trai com sua melhor amiga!

São situações distintas, mas que causam um grande estrago em nossas vidas, a ponto de ficarmos desolados!

De onde será que Isaque tirava forças para continuar? Com certeza, não era da terra, porque aquela região era desértica. Com certeza, ele não tirou das circunstancias, porque ele estava indo de mal a pior.

Sabe, Isaque pode ser um grande exemplo para nós! Ele tirou forças da Palavra de Deus. Sabe o que o Senhor disse? “Fique aí! Aguente firme, porque Eu vou te prosperar!”. E foi exatamente isso que aconteceu.

A grande verdade é que todo o ganho exige um preço a ser pago. A gente só vive as promessas de Deus, quando a gente persevera. A gente é testado para ser aprovado. Mesmo desempregado, mesmo abandonado, mesmo enfermo, mesmo traído, você não vai desistir!

Deus dá graça para aquele que persevera, para aquele que é fiel, para aquele que anda para frente.

Agora, se você não busca ouvir a Palavra de Deus, não tem jeito mesmo. Como você vai tirar forças daquilo que você não conhece, daquilo que você não acredita, daquilo que você não tem contato...?

Jesus disse: “Vocês erram, vocês sofrem, porque vocês não conhecem a Palavra de Deus e o Meu poder!”. Então, venha conhecer a Palavra de Deus!

Quando Jesus foi tentado por Satanás, Ele disse: “Nem só de pão viverá o homem, mas de toda a palavra que sai da boca de Deus!”.

Quando você vai ao culto, você sai turbinado para viver um novo tempo. Você sai inabalável.

A palavra tem o poder de edificar e de destruir. O mundo foi criado através da palavra. Você sabe muito bem disso, né? Quantas vezes por causa de algo que você falou, você acabou criando a maior briga?

Em vez de brigar, em vez de amaldiçoar, em vez de reclamar, você vai reproduzir o que você recebeu de um altar santo, de um lugar que tem andado em vitória, de um lugar que tem andado em conquista!

A palavra de Deus traz à existência, corta o mal, renova nossas forças, edifica e nos dá vitória.


Pense nisso!

sexta-feira, 17 de abril de 2015

Não misture as coisas!

João 16:33 “Estas coisas vos tenho dito para que tenhais paz em mim. No mundo, passais por aflições; mas tende bom ânimo; eu venci o mundo.”

Hebreus 10: 37 a 39 “Porque, ainda dentro de pouco tempo, aquele que vem virá e não tardará; todavia, o meu justo viverá pela fé; e: Se retroceder, nele não se compraz a minha alma. Nós, porém, não somos dos que retrocedem para a perdição; somos, entretanto, da fé, para a conservação da alma.”

Quando estamos cansados, impotentes, desgastados ou com a “paciência cheia”, para não usar aquele termo chulo, a tendência é misturarmos conflitos, enfermidades, desafios e calamidades com a promessa de Deus.

Tome cuidado para você não cair nessa armadilha, porque é uma das mais eficazes do inimigo.

Por maiores que sejam suas lutas, elas não podem impedir a manifestação das promessas de Deus!

Eu costumo dizer que lutas e promessas são duas paralelas, ou seja, elas não vão se encontrar nunca!

O fato de você estar passando por dificuldades, do seu status de relacionamento ter mudado, da sua situação familiar ter mudado, dos seus amigos terem mudado... não quer dizer que o Senhor mudou!

Malaquias 3: 6 “Porque eu, o SENHOR, não mudo; por isso, vós, ó filhos de Jacó, não sois consumidos.”

Em momentos de desgaste, de loucura, de dor... invoque ao Senhor, porque Ele é contigo!

O Senhor nos preveniu de que no mundo teríamos aflições, mas Ele veio justamente para nos dar essa vitória.

Como estamos no Ano de Daniel, eu vou usá-lo como exemplo. Vocês acham mesmo que foi Deus quem preparou a cova dos leões para ele? Não! Foram homens usados por demônios!

Muitas pessoas questionam: “Como é que Deus permitiu uma coisa dessas?” Queridos, porque Ele tinha poder e autoridade para derramar sobre a vida de Daniel. Ele tinha também um grande livramento!

A cova dos leões não foi o fim da história. Daniel foi jogado por aqueles homens invejosos, mas nada aconteceu com ele. Daniel saiu ileso! Deus interferiu e o livrou!

Esse Deus também está aqui! Se você buscá-lo, se você invocá-lo e se você clamar pelo Seu nome, Ele vai interferir na sua causa!

Jesus é chamado de Salvador, porque Ele veio para isso mesmo! Ele veio para nos salvar dessas injustiças, desse desgaste, desse desânimo, desse engano...

Não importa o que as pessoas dizem, Jesus te ama, e Ele se importa!

Tanto os bons quanto os ruins passam por dualidades. A diferença é que aqueles que se apagam a Deus saem vencedores!

Pense nisso!

terça-feira, 14 de abril de 2015

No dia mau, não pense o pior!


1 Pedro 5: 8 e 9 “Sede sóbrios e vigilantes. O diabo, vosso adversário, anda em derredor, como leão que ruge procurando alguém para devorar; resisti-lhe firmes na fé, certos de que sofrimentos iguais aos vossos estão-se cumprindo na vossa irmandade espalhada pelo mundo.

Filipenses 4:8 “Finalmente, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é respeitável, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se alguma virtude há e se algum louvor existe, seja isso o que ocupe o vosso pensamento.”

Para passar pelo dia mau em vitória, você precisa ter cuidado com os seus pensamentos, porque a tendência da lógica humana é nos leva para pior.

A lógica humana nos leva ao desespero. A lógica humana nos leva ao medo. A lógica humana nos leva à angústia. Mas quem disse que você precisa levar sua vida de acordo com a lógica humana?

O fato de um pensamento aparecer, não significa que você deve desenvolvê-lo e deixá-lo te dominar!

Em nome de Jesus, assim como está escrito em 2 Coríntios 10, leve cativo todo pensamento à obediência de Jesus Cristo.

Sabe, existiu uma situação que foi narrada na Bíblia que exemplifica muito bem o que eu estou querendo dizer.

Havia três reis que saíram para a guerra. No meio do caminho, antes mesmo de alcançarem seus inimigos, eles enfrentaram uma série de adversidades. Passaram por uma seca terrível!

Os mantimentos acabaram, os animais morreram e os soldados ficaram doentes. Foi uma situação tão deplorável que um deles chegou a afirmar: “Deus nos chamou aqui para quê? Para morrermos? Mal começamos a guerra e já estamos perdendo. Estamos condenados!”.

Sabe o que é isso? É a lógica humana! É aquela que te faz pensar que é o fim da linha. Mas um daqueles reis conhecia o poder de Deus e veio com um discurso totalmente diferente: “Parem com isso. Não tem ninguém aqui que fale com Deus? Não tem ninguém aqui que possa trazer uma palavra de Deus para nossas vidas?”.

Então, o rei pessimista disse que havia um profeta chamado Eliseu, mas não deu muito crédito a ele.

Só que o rei esperançoso decidiu ouvir o profeta e mandou chamá-lo. Eliseu, cheio de autoridade, afirmou: “Olha, se não fosse por você, que resolveu fazer uma aliança com Deus no dia mau, eu nem intercederia por vocês! Mas, por sua causa, eu vou entrar na presença de Deus!”.

Sabe o que aconteceu? Eliseu intercedeu por aquela situação, e eles conseguiram vencer a guerra! Fo uma experiência tremenda.

Então, para passar o dia mau, vigie os teus pensamentos!  Que só ocupe sua mente aquilo que edifica!

Mude seus pensamentos para sua realidade também mudar! Eu tenho certeza de que Deus vai conduzir seus caminhos e te dará estratégias de vitória!

Busque, assim como aquele rei esperançoso, um profeta de Deus. Vá à igreja, porque o Senhor vai te fazer enxergar que, até mesmo no dia mau, tudo cooperou para o seu bem.


Pense nisso! 

sexta-feira, 10 de abril de 2015

Como conquistar uma família feliz?

Às vezes, nos sentimos azaradas perto de outras pessoas que tiraram a “sorte” e têm uma família maravilhosa. Mas será mesmo? Será que é tudo uma questão de sorte? Não! Famílias bem-sucedidas não acontecem por acaso. É preciso combinar energia, talento, vontade, visão e determinação do casal. As coisas que realmente importam demandam tempo, reflexão, planejamento e definição de prioridades, sempre baseados na visão de Deus para o nosso casamento, para nossa família. É necessário trabalhar nisso e fazer sacrifícios. Você precisa querer e pagar o preço.

Pagar o preço diz respeito, entre outras coisas, a desenvolver algumas qualidades que você deve ter. Por exemplo, você precisa saber ouvir, ser do tipo que aprende sempre, ser um estudante perpétuo, não se cansar de fazer perguntas, estimulando o cérebro das pessoas da família. Valorize também as diferenças! Seja coerente e procure viver todos os princípios que você ensina. Tenha aquela humildade que toca, transforma e suaviza o coração, fazendo com que os outros queiram ser iguais a você. Seja o idealista do tipo que inspira e desperta o desejo de realizar e elevar os outros. Seja trabalhador e guerreiro! 

Ufa!!! Parece até uma missão impossível ser tudo isso, não é mesmo? E ainda tem mais... Também é importante ser coerente com os propósitos de Deus para sua família. Quando estamos vivendo de acordo com as nossas crenças, lutando para seguir a direção certa, geralmente, nossos filhos aceitam nossos valores.

Mas, veja bem! Apesar de tudo isso, ainda assim, o que faz a diferença em famílias bem-sucedidas é corrigir a rota, ou seja, entender o motivo de Deus ter te dado uma família e ver se ela ainda se encontra dentro destes propósitos ou, de repente, se perdeu... até mesmo com as bênçãos e com o que Deus já acrescentou! 

Eu diria que boas famílias, até mesmo, as melhores ficam fora da rota 90% do tempo. O segredo é que elas têm um senso de distinção, têm consciência do propósito e chamado de Deus para elas como família; conhecem o caminho da comunhão com Deus e de como ouvir Sua voz continuamente para saber qual será o próximo passo, o que precisa ser reavaliado e mudado e estão sempre corrigindo o destino. O que isso significa? Significa que o fato de não abrirem mão de estarem na presença de Deus, de nunca avançarem no tempo que é do Senhor, no dia que é do Senhor , antes buscam honrá-lo e estão abertas para ouvir Sua voz e serem guiados por Ele. É isso que lhes garante o sucesso como família.

Os membros de uma família feliz realmente creem no Senhor e, por isso, desfrutam da segurança de Suas promessas nas horas críticas, de dor, de perdas, de decepções entre eles. E mais, creem em Seus profetas, por isso, prosperam em suas ações para acertar e corrigir o rumo das situações que vão se apresentando. Traduzindo: 2 Crônicas 2:20 não é para eles só um versículo bonito que decoraram, mas sim a sua verdade praticada. Assim, podem retomar o plano de voo inicial, as metas, onde querem e devem levar suas casas e filhos. O sucesso de sua família depende da visão, do plano e da habilidade para corrigir o curso.

Quando você e sua família saem da rota, isto é, apresentam problemas, a solução está na visão, no plano, coragem e disposição de continuar corrigindo o curso quantas vezes forem necessárias. Isso significa habilidade para renovar-se, desculpar-se, começar de novo e fortalecer as relações. Não compare sua família com nenhuma outra. Por mais parecidas que sejam as situações, não são. 

Muitas vezes, pensamos que as outras famílias são perfeitas, enquanto a nossa está destroçada. Contudo, todos têm seus próprios desafios e sua própria cruz para carregar. Sua visão de futuro tem que ser bem maior do que os problemas. Em outras palavras, sua capacidade de vislumbrar um futuro melhor tem que ser mais poderosa do que todo o sofrimento acumulado no passado ou qualquer dificuldade do presente. 

A visão deve ser maior do que a bagagem, a ponto de determinar o que deve ser carregado e o que deve ser eliminado. Por isso, hoje mesmo, junto com o amor da sua vida, pare e escreva uma Declaração de Missão Familiar – os valores e propósitos devem estar contidos nesta declaração –. 

A visão precisa ser compartilhada e aceita  por todos. É como montar um grande quebra-cabeça em grupo. É necessário que todos tenham em mente a figura completa para que usem os mesmos critérios para tomar decisões, pois, se os critérios e valores forem diferentes, o caso está instaurado. Mas, se todos estiverem de acordo e seguindo a mesma direção, esse pequeno batalhão – sua família – saíra vitorioso em todas as batalhas.

Ser uma família bem sucedida não é ter ausência de problemas, mas é ter problemas, vencê-los e permanecer ainda mais unida e fortalecida, depois de tudo.


“Respondeu-lhe Jesus: Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vem ao pai senão por mim”- João 14: 16.

Quero finalizar o post de hoje com um convite! A igreja Renascer em Cristo realizará um Encontro de Casais no Thermas Olímpia Resort! Serão dias de comunhão, ministrações e de renovação! Vale a pena investir neste tempo!

O Apóstolo e eu estamos casados há 37 anos e temos muitas experiências para compartilhar!

No site www.igospel.org.br, tem todas as informações! Faça hoje mesmo sua inscrição! 

A família é um plano de Deus, por isso, não entregue os pontos!

terça-feira, 7 de abril de 2015

Será que você entende o seu papel de esposa?

Apesar de nós, mulheres, termos sido criadas em natureza igual aos homens, fomos criadas diferentes em fonte e função: Adão foi criado pelo pó da terra, mas a mulher foi criada a partir de uma costela tirada do homem (Gênesis 2: 21 a 23). Nossos corpos físicos são diferentes e suas funções na reprodução, também.

Sabemos que a mulher tem um propósito diferente. Ela foi criada por Deus para ser uma “auxiliadora idônea”, mas a disposição contrária a esse propósito traz inimizade dentro de casa, traz inimizade dentro da família e faz com que você perca a constituição espiritual.

Disposição contrária significa aquela rebeldia que ainda quer se justificar: “Eu não vou me submeter ao meu marido, porque ele é um banana!”. “Eu não vou me submeter a ele, porque ele é louco.”. Disposição contrária, portanto, é uma maneira de entender as coisas que são contrárias a você mesma e, por consequência, aos planos de Deus para sua vida. Isto te leva a ter atitudes que combinam com os propósitos do inimigo.

Eu quero falar para as casadas agora! Tem mulher que fala assim: “Bispa, eu não amo mais meu marido!”. Ah, é? Então, a culpa é sua. Não é difícil identificar quando o homem casado está bem ou mal acompanhado. Sabe como? É simples: basta ver se casou e piorou ou se casou e ficou melhor, cresceu, desenvolveu, ama mais a Deus...

Mesmo que seu marido seja mais tímido ou mais devagar, ele será melhor se você o honrar. Ou você é daquelas que dizem: “Ah! Mas eu que tive essa ideia, né?”. “Quem falou isso pra ele fui eu!”. Quer dizer, ele não tem mérito nenhum. Você faz dele alguém que não tem mérito nenhum, ou seja, um “banana” mesmo. Mas, quando você o conheceu, alguma coisa ele deveria ter para você ter se casado com ele. O que era mesmo? Tem mulher que nem lembra mais...

O exemplo oposto deste tipo de esposa é Abigail. Ela foi uma mulher que a Bíblia descreve como formosa, sensata e que era casada com um homem loco, com “Nabal” – nome que significa 'filho de Belial' –. Esse marido era duro e maligno em todo o seu trato. Apesar de tudo o que ela teve que suportar ao lado desse endemoninhado, a história descrita em 1 Samuel 25 mostra que Abigail sempre cumpriu seu papel de auxiliadora idônea. Sua tarefa era unir, mas sem interferir e nem se sobressair na união, sem estragar nada, sem possuir nada. Como ela conseguiu isso? Ela não se contaminou com a loucura do marido, nem assumiu seu comportamento.

Muitos casais costumam competir entre si, mas a Bíblia nos ensina que devemos nos subordinar aos nossos maridos, o que não é fácil muitas vezes. O que fazer? Competir ou cooperar com Deus e com Sua obra? Derrotar ou compartilhar a vitória nesse sentimento maravilhoso de que como um casal somos imbatíveis juntos? Qual é melhor? O importante não é competir, é interagir.

O sentimento de cooperação e de concordância faz com que as nossas atitudes sejam benéficas tanto para nós mesmas quanto para a nossa família, trabalho, igreja ou quaisquer outros relacionamentos que nos envolvam, de modo que eles nos beneficiem em igual quantidade, porque estão reconciliados com Deus e Seus propósitos para cada uma de nós. Abigail só conquistou o que desejava, porque conciliou uma visão com uma tarefa. Uma visão sem tarefa é apenas um sonho; uma tarefa sem visão é um trabalho árduo.

Você precisa enxergar qual é o seu papel e executá-lo. Pare de se iludir! Se você quiser viver um casamento de sonhos, terá que trabalhar para isso, terá que construí-lo, lutando e não abrindo mão do seu papel conferido por Deus: o de auxiliadora idônea! Pense nisso! 

Quero finalizar o post de hoje com um convite! A igreja Renascer em Cristo realizará um Encontro de Casais no Thermas Olímpia Resort! Serão dias de comunhão, ministrações e de renovação! Vale a pena investir neste tempo!

O Apóstolo e eu estamos casados há 37 anos e temos muitas experiências para compartilhar! 

No site www.igospel.org.br, tem todas as informações! Faça hoje mesmo sua inscrição! 

quinta-feira, 2 de abril de 2015

Páscoa é reconhecer Jesus em sua vida

João 20: 1 “No primeiro dia da semana, Maria Madalena foi ao sepulcro de madrugada, sendo ainda escuro, e viu que a pedra estava revolvida”.

A ressurreição aconteceu no primeiro dia da semana, ou seja, no domingo, o dia do Senhor. O Cordeiro pascal havia ressuscitado, como Ele próprio havia predito.

Em João 2:19, Jesus disse: “Destruí este santuário, e, em três dias, o reconstruirei.”.

A ressurreição de Cristo é para os cristãos a marca do ápice da vitória de Jesus e o marco da saída do estado da escravidão para a liberdade.

O que aconteceu no sepulcro é o que Deus quer que aconteça com você!

Em primeiro lugar, Páscoa é tempo de enxergar a luz de Cristo!

A Bíblia relata que Maria Madalena se aproximou do túmulo e o encontrou vazio. Ao ver que Jesus não estava lá, ela começou a chorar. Nesse momento, ela viu dois grandes anjos!

Páscoa é ter visões! Páscoa é sair de um estado de morte espiritual para ter vida com Deus! É sair da escravidão, que só te faz enxergar desgraça, e ver a luz do Senhor, que te faz enxergar os mensageiros de Deus e muitos milagres!

Páscoa é receber uma maneira diferente de enxergar a vida! Isso vai te trazer experiências maravilhosas com o Espírito Santo!

Olha, nada vai te impedir de viver milagres, depois que o espírito de ressurreição entrar em você.

Em segundo lugar, Páscoa é reconhecer Jesus em sua vida

Maria Madalena teve a visão, mas não estava totalmente consolada. De repente, ela olhou para trás e viu alguém, a quem ela julgou ser o jardineiro. Ela disse: “Se o senhor pegou o corpo do meu Mestre, me diga onde está! Eu vou cuidar dele.”.

De repente, Jesus disse: “Maria!”. Ao ouvir aquela voz, ela caiu em si e viu que era Jesus! Jesus em Seu lugar de dor, em Seu lugar de carência, em seu lugar de tristeza...

Hoje, é necessário que você reconheça Jesus na sua vida!  A relação de amizade que Ele estabelece no livro de João nos leva a uma tomada de posse, no sentido de reconhecer o Senhor Jesus em todas as situações das nossas vidas.

Talvez você ache que o Senhor te abandonou, porque você está passando por um momento difícil! Não! Ele está com você!

Mesmo que você não reconheça, Ele está presente! Mesmo que você não veja, Ele está presente!

Em terceiro lugar, Páscoa é ouvir o som da ressurreição

Quando Maria Madalena ouviu a voz de Jesus, é como se aquele cenário de morte, de tristeza, de depressão caísse por terra! Veio sobre ela a luz!

Hoje, ouça a voz de Deus! Ele te fala: “Eu te amo! Eu tenho planos para tua vida! Eu não te criei para você viver nesse ambiente onde nada florece! Eu te criei para ter um relacionamento com você!”.

Venha renascer em Cristo! Saia desse lugar de dor, saia desse lugar de choro, venha ouvir a voz de Deus através da Palavra ministrada, venha andar em comunhão!

Na igreja, você vai ter visão de anjos! Vai receber forças para vencer a tristeza, a morte, a traição, a mágoa e a loucura. No lugar de tudo isso, Deus vai derramar sobre você o Espírito Santo, que é o nosso consolador!

Pense nisso!








terça-feira, 24 de março de 2015

Eu perdoei, mas não consigo esquecer!

Falar sobre perdão é algo muito complexo. Mexe com feridas que ainda não cicatrizaram, traz dor e traz à memória situações mal resolvidas... Quem nunca passou por uma decepção? Quem nunca foi traído?

Até Jesus, um homem santo irrepreensível, o Filho de Deus, o nosso resgatador... foi vítima da maldade e da injustiça humana.

Ser traído e enganado não é mérito de ninguém, mas o que diferencia uma pessoa de outra é a capacidade de perdoar!

As reações

Para muitos, o perdão é uma barreira intransponível.

Para outros, é um pouco mais simples! Algumas pessoas até conseguem superar a situação, mas não conseguem esquecê-la! É como se fosse uma nódoa que fica impregnada em nós! É exatamente a partir desta nódoa que podem surgir muitas enfermidades, principalmente o câncer! “Que exagero, Bispa!”. Não é exagero! Isso é cientificamente comprovado.

Sentimentos reprimidos podem trazer outras doenças também, como alergias, asma, úlcera, hipertensão...

Talvez, você ache que a pessoa que te fez mal não mereça perdão, mas você merece ser liberto deste tormento! Você merece viver melhor! Você não merece ficar doente emocional e fisicamente por causa de alguém que só te fez mal! E é sobre isso que eu quero falar com vocês através deste post.

Eu quero provar que é possível dar a volta por cima e viver um novo tempo!

Para isso, vou usar como exemplo a história de José!

Sentindo na pele

José era o filho preferido de Jacó, por isso era tão odiado por seus irmãos.

Por que ele era tão amado? Vou explicar!

Jacó teve duas esposas, Lia e Raquel. Raquel era a esposa que ele mais amou. Com ela, Jacó teve dois filhos, José e Benjamim.

Por ser filho de sua esposa amada, Jacó tinha uma ligação muito forte com José. E Benjamim? Benjamim era o mais novo. Em seu parto, Raquel acabou falecendo.

Bom, voltando à história...

Por conta dessa predileção, os irmãos de José tinham muito ódio dele. Além dessa forte ligação com o pai, José tinha muitos sonhos. Em dois deles, inclusive, ele chegou a governar sobre os irmãos, que ao saberem do sonho, passaram a odiá-lo ainda mais!

José também era o “informante” de Jacó. Tudo o que os irmãos faziam de errado, ele contava para o pai. Como se já não bastasse, Jacó deu a José uma linda túnica de linho, deixando os outros filhos mais revoltados!

Cheios de inveja e ódio, eles planejaram a morte de José.

No dia em que o plano seria colocado em ação, eles levaram o rebanho do pai para muito longe. Preocupado, Jacó pediu para José ir atrás dos irmãos e trazer notícias.

Ao ver José de longe, a vontade de matá-lo aumentou. Os irmãos, então, o pegaram, arrancaram e rasgaram a túnica que ele havia ganhado do pai e o espancaram.

Sabe o que eles fizeram depois?  Lançaram José em um poço e fizeram um banquete!

É inacreditável! Imagine a dor que esse moço não sentiu?

A crueldade não acabou por aí...

Eles ainda queriam matá-lo, mas Judá convenceu a todos de que vendê-lo seria melhor. E assim o fizeram! José foi vendido para uma caravana de Ismaelitas que levava escravos para o Egito.

Mesmo passando por tudo isso, José nunca se esqueceu de Deus! Isso é muito forte! Sabe, existem tantas pessoas que se afastam de Deus por causa da maldade humana, por causa de erros humanos! Não podemos misturar as coisas... O fato de você ter sido traído não quer dizer que Deus te abandonou.

A hora da virada!

No Egito, o Senhor mudou a história de José! Ele passou por mais loucuras, enganações e acabou na prisão do Faraó, ou seja, sem perspectiva nenhum de futuro.

Como é bom saber que o nosso futuro pertence a Deus e que Ele está no controle da nossa Vida!

Depois de um tempo, porque ele interpretou um sonho do Faraó, José foi levantado como Governador do Egito. Ele, simplesmente, foi o segundo homem mais poderoso da terra.

O primeiro filho!

Deus restituiu José de tal forma que lhe deu dois filhos, Manassés e Efraim

Sabe o que quer dizer Manassés? Deus me fez esquecer de todos os meus trabalhos e de toda a casa do meu pai (Gênesis 41: 51)

Quem fez José esquecer? Deus!!!

A maior vingança é ser feliz sem precisar prejudicar os outros

Então, se você foi traído por pessoas que você amou, por pessoas que deviam te ajudar, por pessoas próximas que arrebentaram com sua vida – quando eu falo “próximas”, eu me refiro à família e melhores amigos mesmo –, clame a Deus: “Senhor, me ajude a esquecer tudo o que eu passei! Eu não quero achar que essa pessoa está feliz com a minha dor e que eu não posso ser feliz! Me consola, derrame o Teu bálsamo sobre minha vida e me faça uma pessoa feliz! Senhor, como vingança, me dê uma alegria tão grande, a ponto de eu achar que, assim como aconteceu com José, essa traição me levará para um lugar melhor!”.

Se você buscar ao Senhor, Ele vai derramar essa capacidade de perdoar!

Você, então, vai se reconciliar, primeiramente, consigo mesmo, porque sua sorte e sua alegria não vão depender mais daquele que te fez mal!

Se ele está bem, se ele está mal, não importa, porque você estará tão bem que é o seguinte: águas passadas mesmo!!!!!

Vai ser uma transformação tão grande que você vai achar que a história que você viveu é de outra pessoa!

O segundo filho!

Ao alcançar esse perdão, você dará à luz a Efraim. Sabe o que quer dizer Efraim? Deus me fez próspero na terra da minha aflição (Gênesis 41:52)

Você vai esquecer esse passado de dor, e Deus vai te honrar na terra da sua aflição!


Para as Mais que Vencedoras!

Queridas, dia 21 de abril, teremos o nosso Encontro Nacional! Será um tempo muito especial! Com ministrações, dicas e testemunhos! Tudo foi preparado com muito carinho e muito amor. Bispa Fê, Aline Barros, Dany Campos e eu te esperamos lá!

Acesse o site www.maisquevencedoras.com.br e faça sua inscrições!