Páginas

segunda-feira, 3 de julho de 2017

A alegria do Senhor é a nossa força!


Neemias 8.10b: “... Portanto não vos entristeceis, porque a alegria do Senhor é a nossa força.”

O caminho é árduo e difícil, mas com a alegria do Senhor e muita fé, venceremos e destruiremos as muralhas. 

Se o mar não se abrir, andaremos sobre as águas, porque servimos a um Deus vivo, o Todo-Poderoso, amável, admirável, bondoso, justo, maravilhoso, o Pai Eterno.

Em Isaías 54.14, está escrito que nenhuma arma poderá nos derrotar, e que toda a boca que se levantar contra nós, em juízo, será condenada. Esta é a herança dos servos do Senhor e a nossa justiça vem d´Ele. Ele promete nos amar eternamente. Somo suas ovelhas amadas e queridas.

Quando aceitamos a Jesus Cristo como nosso único Senhor e Salvador, adquirimos uma linda marca que nos distingue do restante da multidão. Ele diz para cada um de nós: “Tu és meu servo, e a ti escolhi e não te rejeitarei. Não temas, porque eu sou contigo; não te assombres, porque eu sou teu Deus. Eu te esforço, te ajudo, te sustento com a minha forte mão!”.

Isto quer dizer que iremos passar por situações em que vamos ter medo, muito medo, que podemos até ficar em estado de choque – que é, mais ou menos, o que quer dizer o termo “pasmado” – Mas a promessa é: “Não se deixe levar por esta situação! Eu estou com você.”.

Nos momentos de fraqueza, Jesus Cristo nos faz fortes e renova a nossa disposição. Este é o segredo da nossa vitória.

Não há nada mais frustrante do que você machucar, ferir, falar mal de alguém, e vê-lo em pé, alegre, como se nada tivesse acontecido!

Só que, agora, isto tem que ser verdadeiro!

Mas, Bispa, como eu vou me alegrar numa situação dessas? Alegre-se na esperança de que o teu Deus é fiel, e que isto não vai ficar deste jeito.

Deve ter algum propósito para essa situação, que você nem consegue explicar, pela dor e sofrimento que está sentindo. Entretanto, ao pensar na vitória e na honra que virá através de tudo isso, é possível se alegrar! Portanto, alegre-se no Senhor!

Levante-se! Tire essa “cara de choro”, porque maior do que o problema é aquele que habita em você!

Quero finalizar o Pensamento de hoje com 2 Coríntios 4.17: “Porque a nossa leve e momentânea tribulação produz, para nós, eterno peso de glória, acima de toda comparação.”.


Pense nisso!